Brand Persona: Qual é a identidade da sua marca

Conheça a Identidade da Sua Marca: Quem é a sua Brand Persona

A palavra Persona significa, em latim, máscara e traduz-se na imagem que a sua marca representa diante do seu público. Provavelmente já ouviu falar neste termo, mas talvez não saiba ainda o que significa e de que forma pode agregar valor ao seu negócio.

Os valores da sua empresa estão bem definidos e difundidos? Eles devem estar latentes em todas as suas ações e plataformas de comunicação, pois só assim pode conferir ao seu negócio a credibilidade e a visibilidade que pretende. A brand persona nada mais é do que a personificação desses mesmos valores, através de constelações semânticas que refletem o seu próprio estilo e posicionamento, bem como o tom da sua marca e o tipo de linguagem utilizados que melhor dão resposta aos seus potenciais clientes. Porquê? Porque as pessoas não comunicam com as marcas. As pessoas comunicam com as pessoas que representam as marcas. Transformar a marca numa pessoa permite-nos estabelecer uma relação genuína com os clientes e isso traduz-se num dos principais ingredientes de sucesso da sua atividade.

A Persona influencia as vendas de uma empresa, precisamente porque dá resposta aos objetivos, anseios e motivações dos clientes que conduzem à compra. Nesta relação dialógica, o cliente tem uma necessidade e a marca responde com a solução.

 Esta ferramenta não só mantém coerência na imagem que passa para o mundo lá fora, como define os padrões de comportamento dos colaboradores na sua equipa de trabalho. De que forma? Toda a gente se posiciona da mesma forma, sabe como comunicar aos seus clientes, como satisfazer as suas necessidades e apresentar as soluções para os seus problemas. Se falar com um colaborador ou colaboradora da sua equipa e no dia seguinte com outro/outra, terei o mesmo tipo de relacionamento e interação – porque todos acreditam e desempenham os seus papéis de acordo com os mesmos valores da marca que representam.

A Brand Persona faz toda a diferença nas dinâmicas de marketing digital, que ganham cada vez mais espaço no mercado e na competição entre empresas. Se quer fazer a diferença, esta ferramenta vai permitir-lhe comunicar de uma forma mais interativa, humana e natural com o seu público, estimulando-o a ser ativo na comunicação e desenvolvimento da sua marca, e, consequentemente, do seu sucesso.

Em tempos de pandemia é importante realçar que os comportamentos do consumidor também se transformam e modificam, e que, por isso mesmo, a própria persona da marca pode sofrer alterações, em seu benefício e do seu público.

As principais marcas do mundo têm por detrás uma estratégia de marca bem definida e implementada, com análise constante dos seus dados. Se é uma pessoa ambiciosa e quer ver o seu negócio crescer, comece por questionar-se sobre a estratégia que está a implementar e de que forma ela faz com que os clientes prefiram a sua marca às alternativas da concorrência. Lembre-se que o que o torna a sua marca especial e única, não são apenas as características dos seus produtos e serviços, mas também o seu conceito e a forma personalizada como cria um diálogo com o seu público.

            Se quer começar já a definir a sua Persona, lembre-se que ela deve ser criada à imagem de uma pessoa real, com uma identidade e um estilo próprios, sentimentos e emoções, que estão profundamente ligados com o comportamento de compra expectável. O primeiro passo para encontrar esta “máscara” para a sua marca, passa precisamente pela reunião das palavras-chave que representam o seu negócio e os seus valores. Desta forma, sempre que realizar um anúncio pago ou uma publicação nas redes sociais, antes de carregar em OK confirme se tem esta “máscara” colocada.

Alertamos para que não se confunda a “brand persona” com outros termos do marketing, como buyer persona, que representa uma personificação do seu cliente. Este conceito traduz uma personagem semifictícia que simboliza o seu público (o que necessariamente não corresponde na íntegra aos valores da sua marca). Enquanto que este termo traduz o seu “cliente padrão”, existe também o ICP (Ideal Costumer Profile), que representa o seu cliente ideal.

            Se está entusiasmado e decidiu agarrar agora este desafio para melhorar a performance da sua marca, gostaríamos de partilhar uma dica importante: se a sua empresa está a começar, é natural que ainda não tenha dados históricos que lhe permitam criar essa máscara para a sua marca através de um questionário direcionado aos seus clientes. Neste caso, única forma de o fazer é com base num ideal de persona, devidamente fundamentado por dados que pode recolher no seu segmento de atividade, observando o mercado e a concorrência. Quanto à análise do desempenho do seu negócio, no nosso nosso blog encontrará várias dicas sobre a importância de analisar todos os dados do seu negócio.

Se está a ter dificuldades em definir a sua Persona e precisa de apoio profissional, partilhe connosco as suas opiniões e questões, para que possamos contribuir da melhor forma na melhoria da estratégia de marketing na sua empresa - clique aqui!

Conte-nos tudo sobre a sua Persona!

linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram